// Tipos de Manutenções e porque são tão importantes.

 

03

Pode ser que as informações abaixo não sejam novidades para você, mas é sempre válido reforçar os conceitos deste mercado tão importante.

Manutenção Corretiva
A manutenção corretiva é acionada quando é constatada alguma falha na máquina ou produtividade abaixo do esperado. É o tipo de manutenção que gera mais prejuízo para a empresa, já que é fruto de uma demanda não planejada. Além disso, quando se chega à manutenção corretiva, a probabilidade de que a máquina tenha sofrido sérias danificações é grande.

Manutenção Preventiva
É aquela que possui intervalos pré-determinados e que visa reduzir os riscos de baixa produtividade da máquina ou quebra da mesma. A manutenção preventiva envolve cuidados rotineiros incluindo lubrificação dos componentes e reposição de peças desgastadas. O seu uso é frequente em máquinas e equipamentos cuja falha pode provocar catástrofes ou riscos ao meio ambiente; sistemas complexos e/ou operações contínuas.

Manutenção Preditiva
A Manutenção Preditiva é um conjunto de atividades que acompanham as variáveis indicativas do desempenho das máquinas. Isso é feito revisando a performance do passado para prever quando um componente específico irá falhar (Isto é feito com base em estudos que determinam o MTBF, termo inglês que é uma base abreviação de “Maxium Time Between Failures”, ou seja “Tempo Máximo de Falhas”) . Ela visa definir a necessidade ou não de intervenção e tem como resultado a maximização dos intervalos entre reparos por quebras (Manutenção Corretiva) e reparos programados (Manutenção Preventiva).